Mostrando postagens com marcador VAZOS. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador VAZOS. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 3 de abril de 2014

Faça uma "jarra vagalume" e inove na decoração da sua casa

Já pensou em ter uma jarra vaga-lume na decoração da sua casa gastando quase nada? O Arquitetura Sustentável publicou uma matéria ensinando o passo-a-passo que é bem simples. Veja os  materiais que vai precisar:
  • Pote de vidro;
  • Pulseiras neon (aquelas de festas mesmo). Você pode encontrá-las na 25 de março ou em lojas online de adereços de festas;
  • Tesoura;
  • Luvas.
Como fazer: Lave e enxugue bem o pote de vidro. Após isso coloque a luva (os resíduos da pulseira podem não fazer bem a pele) e corte uma das pontas da pulseiras neon dentro do pote e faça de os desenhos que quiser.
  

E prontinho! Agora você tem a sua própria jarra vaga-lume  E na hora descartar os resíduos separe o material do restante do lixo.
E o mais legal é que você pode usar quantas cores de pulseiras neons você quiser e desenhar o que quiser dentro da jarra. Veja alguns exemplos para se inspirar: 



Viu como não é difícil inovar na decoração sem gastar muito!? Basta ter um pouco de paciência e criatividade. E caso esteja procurando um ótimo decorador para te ajudar a inovar a sua casa, acesse o Get Ninjas, um site onde você encontra os melhores decoradores da sua região.

sexta-feira, 15 de junho de 2012

Découpage em vaso de cerâmica


Aplicar papel kraft com relevo no vaso de cerâmica é a ideia da artesã Priscilla Moreira. O belo efeito fica por conta do pincel chapiscador, que dá ares de cerâmica queimada.


Materiais utilizados:• Aquecedor projetor a quente (cód. 5502), da Toke e Crie
• Base seladora, da Acrilex
• Cachepô em formato de xícara em cerâmica vermelha, da Cia Artesanal
• Cola quente Silver, da Rendicolla
• Lixa multiúso grão 240, da Mestre Tigre
• Marcador permanente de ponta dupla na cor preta, da Acrilex
• Papel kraft pardo com relevo, do Atelier Carioca
• Pincel chato nº 055-20, da Acrilex
• Pincel com parte de madeira – chapiscador (cód. 1399), da Toke e Crie
• Pistola de cola quente de 40W, da Rendicolla
• Pratinho descartável
• Tesoura Arte & Hobby (cód. 7246), da Toke e Crie
• Tinta Nature Colors nas cores capim-dourado, marrom, marrom-escuro e saara, da Acrilex
• Verniz Spray Acrilfix fosco, da Acrilex


1- Com a lixa, alise todo o cachepô. Feito isso, com o pincel chato nº 055-20, dê uma demão de base seladora em toda a peça e aguarde a secagem, conforme instruções do fabricante. 


2- Meça o papel kraft na circunferência do cachepô e corte o papel no comprimento em que as pontas se encontrarem. Siga cortando também os contornos dos desenhos do relevo.


3- Com o pincel chato nº 055-20, dê duas demãos de tinta saara no papel, no pires e na xícara da peça. Se necessário, acelere a secagem com o aquecedor entre cada demão. 


4- Ligue a pistola de cola quente e deixe aquecer por 8 minutos. Com o auxílio da pistola, cole o papel em volta da xícara. 


5- Ligue a pistola de cola quente e deixe aquecer por 8 minutos. Com o auxílio da pistola, cole o papel em volta da xícara. 



6- Ligue a pistola de cola quente e deixe aquecer por 8 minutos. Com o auxílio da pistola, cole o papel em volta da xícara. 


7- pronto ,um excelente vazo para flores em forma de xicara


Artesã Priscilla Moreira.


terça-feira, 12 de junho de 2012

Quadro com cachepô de fibras


Materiais utilizados para o cachepô e para moldura de bambu:• 2 pacotes de 150g de fibra de coco reciclado, do Projeto Coco Verde
• 1 litro de adesivo natural, do Projeto Coco verde
• Forma de alumínio de 20x20 cm
• Serra de arco
• Tesoura
• 1 m de arame
• Alicate de bico
• Alicate de corte
• Par de luvas de borracha
• 8 varas de bambu medindo 50cm e 3cm de diâmetro
• 4 varetas de bambu de 3mm
• Cipó sintético
• Alicate de bico
• Alicate de corte
• 4 pedaços de arame vulcanizado medindo 6cm ou fio de cobre de 1,5 mm (25 cm)
• Serra
• Martelo
• Maçarico
• Furadeira
• Cola branca

Onde encontrar:
Sr. Bambu Artesanatos  - Tel.:(11) 2592-7756, (11) 9277-7756, www.srbambu.elo7.com.br
Projeto Coco Verde  - Tel.:(21) 3346-1030, www.projetococoverde.com.br
1- COM A SERRA CORTE O BAMBU NO TAMANHO NECESSARIO . EM SEGUIDA USE O MAÇARICO PARA QUEIMAR O BAMBU NAS PONTAS E NOS NÓS DEIXAR  A TONALIDADE PREFERIDA QUE VAI DE MARROM CLARO ATÉ O TOM DE CAFÉ
2- Cruze e sobreponha duas varetas de bambu, deixando uma sobre de 10 cm em cada extremidade. Faça dois furos com a furadeira : um na parte com os bambus sobrepostos e outro a 5 cm do primeiro furo. Em seguida, utilize o alicate de corte para cortar a vara de bambu em pedaços de 3cm para formar pinos. 
3-  Coloque pingos de cola nos furos de bambu que vão unir uma peça à outra. Encaixe os pinos de bambu cortados na etapa anterior nos furos e, em seguida, bata o martelo para fixá-los melhor.
 4- Amarre os bambus com o cipó sintético dando quatro voltas na peça. Se necessário, antes de fazer as amarrações estique o cipó com as mãos para render mais, o material é resistente a ponto de suportar um “puxão”. Utilize o alicate de corte para cortar os excessos e, se precisar, o de bico fino para puxar as pontinhas do cipó antes de amarrá-las.
 5- Encaixe o cachepô de fibra de coco no quadro de bambu já montado, fure com a furadeira e passe o fio de cobre pelo material.
6-  Em uma bacia, misture a fibra de coco e o adesivo natural. Calce luvas de borracha antes de começar a manusear o material, pois ele é pegajoso. Deixe a mistura de molho por 2 horas para a fibra absorver todo adesivo. O massa final vai ficar com consistência pastosa e pronta para ser moldada.
 7- Comece a moldar o cachepô e base quadrada. Para fazer o bojo, revista uma forma redonda colocando a fibra pelo lado externo, para poder medir a espessura da peça. Já a base quadrada deve ser feita com uma forma quadrada de 20cm. Deixe secar por 48 horas e desenforme.
 8- Com a tesoura, remova as rebarbas das extremidadas das peças. Em seguida, utilize a serra de arco para cortar o cachepô ao meio. 
 9- Com o alicate de bico corte dois pedaços de 20 cm de arame, passe pela frente do cachepô e uma essa parte à base quadrada. Torça as pontas do arame com o alicate de bico e, com a mesma ferramenta, corte o excesso de arame. Corte outro pedaço de 20 cm de arame e passe na parte de cima do cachepô. Na parte de trás, faça um gancho para pendurar o quadro na parede
 10- PRONTO É SÓ ENCAIXAR O VAZO NO QUADRADO DE BAMBU


 Criação e execução: Ricardo Ramos (para Sr. Bambu Artesanatos) 


VAZINHOS DE LAMPADAS

Aquela lâmpada já sem utilidade pode render um belo arranjo ao jardim. Basta retirar a parte de alumínio com a ajuda de uma serrinha, prender um arame e preencher com delicadas flores. Mas lembre-se da dengue: troque a água e lave bem a peça diariamente.



Materiais utilizados:
• 3 lâmpadas transparentes
• Arame encapado (cor preta)
• 1 serrinha própria para ferro/alumínio
• Furadeira
• Faquinha com ponta
• Miçangas



Modo de fazer:Com a serrinha própria para alumínio, corte a parte de alumínio da lâmpada com pouca força, fazendo movimentos para frente e para trás (até soltar toda a volta). Retire com cuidado.
Agora, com a faca de ponta, retire todo o excesso de resina até soltar a parte interna da lâmpada (filamento).
Com a furadeira ou mesmo com a faquinha com ponta, faça dois furos na parte de metal da lâmpada.
Coloque o arame, prendendo uma miçanga de cada lado para proporcionar delicadeza à peça. Faça uma voltinha na ponta do arame para não soltar.

Atenção:É muito importante que você adote alguns cuidados com o mosquito da Dengue, principalmente em épocas de chuvas frequentes. Existem algumas medidas que ajudam no combate à proliferação do inseto na água das lâmpadas, como pingar gotas de água sanitária na mesma. Contudo, a forma mais garantida de impedir que seu vaso se torne o espaço perfeito para a reprodução dessa praga é trocar a água diariamente e lavar muito bem o interior e o exterior da peça, com um escovinha ou pano, dando atenção especial para as ranhuras da rosca do objeto. Essa medida faz com que os ovos depositados se desprendam e não mais apresentem perigo a você, sua família e sua cidade!



quarta-feira, 11 de abril de 2012

Como fazer a horta no muro do Lar Doce Lar


Quem já acompanhou um pouquinho do programa Caldeirão do Huck, apresentado por Luciano Huck, já deve ter visto o famoso quadro “Lar Doce Lar”. Nele, selecionam-se casas que merecem uma grande reforma em virtude da história de vida dos seus respectivos donos.

As residências são reformuladas com as lindas e grandiosas ideias do arquiteto Marcelo Rosenbaum e sua equipe. Na imensa maioria das vezes, as casas recebem projetos bem inovadores para garantir economia de energia, captação da água da chuva e outras soluções criativas e bem sustentáveis.
Para que você aprenda e consiga executar sozinho a ideia, hoje nós selecionamos uma novidade bem fácil que foi usada em várias casas do Lar Doce Lar. É a mini horta feita com garrafas pet que ficam presas à parede. Agora, você não tem mais a desculpa de que ter uma horta requer espaço e muito trabalho.
Para fazer em sua casa, você deve cortar e fazer furos na garrafa pet, conforme mostra na foto abaixo. A janela serve para a terra e a planta. Os furos são para que se coloque uma corda ou um arame para amarrar a embalagem junto à parede e não ocupar nenhum espaço na sua casa.



Nossa dica é plantar ervas medicinais, como a camomila, a hortelã, a arruda, o boldo, a erva cidreira e outras. Ou ainda, plantar flores para somente decorar. Ou cultivar temperos, como a salsinha e cebolinha.

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

O CHARME DA LACA AO ESTILO VIETNAMITA

Material
  • Vaso em terracota
  • Base Acrílica Mural Color nas cores: preto, branco e vermelho óxido
  • Laca Chinesa Mural Color
  • Tintas Glaze (Plaid) nas cores: dourado e cobre
  • Tinta a óleo Maimeri Clássico na cor azul ultramar claro
  • Goma Laca Indiana (Asa de Barata)
  • Pincéis Tigre nas séries: 141-22, 815-20 e 434-16
  • Esponja marinha
  • Trincha Casan Pelo de Esquilo - 2105-2"
  • Lixa
  • Bandejas descartáveis e godê (para distribuir as tintas durante a pintura)
1
Lixe a peça para retirar as imperfeições.  
2
Com o pincel 815-20, aplique goma laca indiana sobre toda a peça. Aguarde a secagem total.  
 3
Despeje um pouco de Base Acrílica branca em uma gandeja descartável e apenas uma gota de base acrílica preta.
4
Com o pincel 141-22, misture as cores de bases sugeridas e note um tom acinzentado obtido.
  5
Despeje, agora, uma gota de Base Acrílica vermelho óxido sobre a mistura obtida na etapa 4. 
6
Misture, então, as três cores de Base Acrílica com o auxílio do pincel 141-22.
 
7
Dê pinceladas sempre em um mesmo sentido e sobre todo o vaso, usando o pincel 141-22.
  8
Em outra bandeja descartável, pingue um pouco de Base Acrílica Mural Color na cor vermelho óxido e adicione uma gota de Base Acrílica Mural Color na cor preta.
 9
Obtenha um tom marrom avermelhado, misturando as cores sugeridas na etapa 8 com o auxílio do pincel 141-22.
 10
Umedeça a esponja marinha no tom obtido na etapa 9 e comece a dar batidinhas em algumas partes da peça.
 11
Despeje, agora, um pouco de Glaze dourado sobre a bandeja e comece a dar batidinhas em outras partes da peça.
 12
Dê batidinhas com Glaze cobre em outras partes da peça. Aguarde secagem total. Manche toda a peça com as três cores alternadamente, podendo inclusive fazer sobreposição das cores. 
13
Insira um pouco de tinta a óleo azul ultramar claro em um godê e, depois, um pouco de Laca Chinesa Mural Color.
  14
Com o pincel 434-16, misture a laca chinesa à tinta azul ultramar claro e obtenha um tom azulado brilhante e transparente. Acrescente mais laca, o suficiente para a pintura completa do vaso.
 15
Com a trincha, dê uma demão da mistura obtida na etapa 14 em toda a peça. Aguarde secagem total e note o efeito obtido. Se desejar, acrescente outra demão.
 Peça finalizada
Note que através da laca azul transparente se vê o fundo cobre, dourado e marrom, o que confere um aspecto leve à técnica. Isto é possível em função da transparência do pigmento da tinta a óleo clássico azul ultramar claro.
 FIM